...
 
family-in-forest_edited.jpg

AMAR A VIDA

É CUIDAR DE QUEM

VOCÊ AMA

Fonoaudiologia infantil vai além de ensinar

crianças a falar. O profissional dessa área é

responsável por cuidados da audição,

da articulação da fala e voz,  da linguagem oral

e também da leitura e escrita.

 

A Fonoaudiologia é a ciência que tem como objetivo de estudo a comunicação humana em todas as suas dimensões e ciclos da vida. Abrange aspectos referentes à linguagem oral, leitura/escrita, fluência, articulação da fala, voz, funções auditivas e vestibulares, entre outros. A Fonoaudiologia Educacional pode se dar por meio de ações clínicas e de prevenção. A atuação clínica é realizada predominantemente, porém não exclusivamente em consultórios, clínicas e centros especializados, de forma individual. No caso do atendimento fonoaudiológico ser realizado na escola, este deve ser feito no contra turno do indivíduo a ser atendido. Já a atuação fonoaudióloga preventiva deve contemplar atividades de promoção da saúde, intervenção coletiva e/ou individual, investigação diagnóstica e triagem. Na Educação, a Fonoaudiologia atua fundamentalmente nos aspectos que envolvem a comunicação e sua relação com a aprendizagem, considerando a aquisição, o desenvolvimento e as possíveis dificuldades nesses processos. Ações da Fonoaudiologia na Educação - Define o perfil, as necessidades e as prioridades que possam afetar o desenvolvimento acadêmico e global do indivíduo. - Planeja ações em conjunto com os profissionais envolvidos no acompanhamento do aluno. - Promove ações que favoreçam a comunicação em prol da melhoria do ambiente organizacional e das relações interpessoais. - Colabora e orienta na realização de atividades que potencializam a aquisição, o desenvolvimento e o aprimoramento dos aspectos relacionados a linguagem oral, escrita, leitura, voz, etc. - Realiza ações formativas voltadas às famílias, aos alunos e ao corpo docente sobre assuntos pertinentes a Fonoaudiologia. - Auxilia na identificação e na condução das demandas relativas às dificuldades fonoaudiológicas, bem como encaminha para exames específicos e profissionais especializados. - Participa das reuniões pedagógicas conforme a necessidade. - Contribui para o diagnóstico e orientações quanto a saúde vocal dos educadores, aponta possibilidades de intervenções e encaminhamentos necessários. - Participa, elabora, implementa e coordena, se preciso, campanhas que envolvam a promoção da Fonoaudiologia na Educação para a comunidade (alunos, professores, funcionários, equipe pedagógica, pais e responsáveis). Acreditando na parceria entre a Fonoaudiologia, a Escola e a Família, me coloco à disposição para somar nossas experiências. " Se a criança não aprende do jeito que ensinamos, temos que ensiná-la do jeito que ela aprenda" Marion Welchman